25 out 2013

Resenha: Reason and Faith recebe nota 9.0/10 pelo Metal Samsara

Compartilhe

Want create site? With Free visual composer you can do it easy.

Nota 9,0 / 10,0

Por Marcos Garcia – Metal Samsara

E eis que mais uma ótima banda de Prog Power Metal surge no Brasil!

Fazendo uma sonoridade forte e elegante, mas sem ser piegas e tendo bastante personalidade, o PERC3PTION finalmente nos brinda com seu ótimo primeiro álbum, “Reason and Faith”, via MS Metal Records.

Diferentemente em muitas bandas gringas do estilo que andaram por aí um tempo (e que a grande maioria já sumiu de vez), você sente a paixão e vontade de se fazer este tipo de Metal, comprometidos com uma sonoridade que soe pesada e trabalhada sempre, com ótimos vocais, guitarras com riffs pesados e trabalhados na medida certa, ótimos teclados, e que cozinha rítmica perfeita no peso e na técnica. E isso tudo soando coeso e bem cheio de vida e energia, apesar do gênero ter sido desgastado pela enxurrada de uns anos atrás.

Ao ver o nome de quem cuidou da produção, não de se espantar essa sonoridade que mixa bem peso e melodia, sem deixar de abrilhantar os instrumentos: Edu Falaschi foi quem cuidou da produção, tendo Brendan Duffey e Adriano Daga como coprodutores, logo, preparem os ouvidos para algo de MUITA qualidade.

A arte é belíssima, um trabalho sublime de Wellington Consoli da After Design, que fez questão de colocar cada página do encarte com gravuras representando cada letra.

Quando o CD começa a tocar, a beleza de um trabalho bem feito e homogêneo invade nossos ouvidos, algo mágico e que preenche o coração com alegria, sendo que as músicas são bem longas (a menor delas tem mais de cinco minutos), então, a viagem é certa, mas em momento algum o disco é cansativo.

Destaques no disco: “Trust Yourself” (com aquela velocidade característica do Power Metal Melódico, destacando demais a bateria extremamente pesada e técnica na condução dos andamentos), a linda “Surrender” (com um andamento moderado muito bem acompanhado de ótimos teclados e excelentes vocalizações), a empolgante e pesada “Dead Man in Me” (vejam bem que ótimos riffs e solo), “Feeding on Living Blood” (bem trabalhada e com boas mudanças de andamento, tão justinhas que é embalado por elas), a pesada e um levemente abrasiva “Illuminati”, e a linda “Suspension of Disbelief” (bem trabalhada e novamente com ótimas conduções na bateria e teclados bem ambientados).

Um discão muito bem feito, e se no primeiro estão nesse nível, no próximo, a casa vai cair!

Fonte: METAL SAMSARA

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.
Want create site? With Free visual composer you can do it easy.
Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.